CAMPO SONORO


Site oficial

Fui convidado pela Fundação Bienal para produzir esse novo projeto de audioguia, que ao invés de apresentar textos didáticos sobre as obras, cria uma nova camada de interpretação da exposição.

Havia uma multiplicidade de propostas dentro do Campo Sonoro. Entre elas, gravamos artistas conversando com curadores, falando sobre trabalhos de outros artistas, apresentando peças sonoras poéticas, áudios complementares às obras e um percurso pelo parque Ibirapuera antes de chegar à exposição.

TREMOR ESSENCIAL


Em um dos trabalhos da exposição Águia de Duas Cabeças, de Ana Dias Batista, três vitrines estão repletas de marfins, taças e porcelanas, objetos da coleção da instituição. Ao se aproximar de uma delas é possível ouvir sons como se a vitrine estivesse balançando, embora de fato isso não aconteça.

Estes áudios, disparados através de um sensor de proximidade, foram produzidos por mim em colaboração com a artista.

BAILE


Neste projeto desenvolvido pelo artista Pope.L para a 32ª Bienal, performers caminharam durante quatro dias ininterruptos pelas ruas da cidade, seguindo rigorosamente uma coreografia repetitiva. Toda a performance foi transmitida por streaming.

Eles também carregavam mochilas com caixas de som que tocavam um áudio produzido por mim, que continha, além de uma trilha sonora autoral, a leitura de textos políticos.

A VIDA SECRETA


Soundcloud

Durante a exposição Experiência da Arte, no Sesc Santo André, artistas foram convidados para produzir projetos que dialogassem com as obras.

Minha proposta foi criar um audioguia entitulado A Vida Secreta: O Que Acontece Quando Nada Acontece, que captou e colocar em primeiro plano sons escondidos em meio aos trabalhos da mostra.